quinta-feira, 31 de dezembro de 2009

Ideia brilhante de Artyom Timofeev


Esta posição incrível surgiu na partida entre Artyom Timofeev e Denis Khismatullin, Superfinal do Campeonato da Rússia 2009.
Para os zelosos estudantes do GX Alekhine: lembro-me (das poucas vezes que participei nos treinos na época passada) que o Mestre Fernando Silva dedicou bastante atenção ao estudo do sistema Maróczy na Abertura Inglesa.
Esta partida Timofeev-Khismatullin começa como uma Siciliana, na quarta jogada os bispos das casas brancas são trocados, a seguir Timofeev coloca todos os seus peões em casas brancas (começando por 5. c4) e com o fianchetto das pretas (6...g6) surge o sistema Maróczy, sem bispos das casa brancas. Trocam-se um par de cavalos, o outro par de bispos e as damas e depois pouca coisa acontece, são vinte lances de manobras com torres e cavalos.
O espectáculo começa com a jogada 40. Tb5!?: as brancas dão uma qualidade e a seguir brilhantemente mais uma torre inteira com 49. b4!! - bxa5; 50. bxa5, resultando na posição do diagrama:
as duas torres pretas estão completamente impotentes contra o "cilindro a vapor" dos quatro peões brancas!
A partida foi jogada no dia 24 de Dezembro.... uma belíssima prenda de Natal para Timofeev!
Quem não gostaria de ganhar assim uma vez na vida!?
Sobre o torneio: Alexander Grischuk é o novo campeão russo, ficou com meio ponto de avanço sobre Peter Svidler (que já conquistou o título por cinco vezes entre 1994 e 2008!).
O GMI Alexander Riazantsev (bicampeão nacional em Portugal com GD Diana de Évora em 2006 e 2007) começou o torneio com 1 em 6, mas com três vítorias consecutivas finais ainda conseguiu uma performance à sua altura.
No campeonato feminino Alisa Galliamova superou Nadezhda Kosintseva tambem por meio ponto.

1 comentário:

Reinato disse...

Realmente b4 é uma jogada do outro mundo, o xadrez pela sua enorme complexidade é fértil em jogadas que "não passam pela cabeça".
Um bom jogo pra analisar no último dia do ano.
Obrigado Marinus.
Boas entradas!