sábado, 10 de outubro de 2009

Magnus Carlsen: 2800 aos 18 anos


Ganhando na última ronda do torneio em Nanjing ao Dmitry Jakovenko, Magnus Carlsen alcançou um score quase impensável de 8 em 10 nesta prova da categoria XXI (média elo 2763), resultando numa performance de 3002 e um novo elo de 2800,8. O segundo lugar no torneio foi para o nº 1 do ranking mundial Veselin Topalov com menos dois pontos e meio...
Resultados comparáveis?
Nas últimas décadas só me lembro de dois torneios:
- Interpolis 1989 (Holanda, estive lá: http://gxalekhine.blogspot.com/2005_07_01_archive.html):
1. Kasparov 12 em 14 , 2. Korchnoi 8,5, categoria XVI;
- Linares 1994: 1. Karpov 11 em 13, 2. Kasparov 8, categoria XVIII.
* * * * * * * * * * * * * *
O torneio feminino em Nanjing foi ganho pela ex-campeã mundial Xu Yuhua com 8 em 13.
A nossa favorita "beauty queen" MI Martha Fierro Baquero começou bem com três empates contra adversárias mais fortes, mas depois "baqueou" mesmo: só conseguiu mais um empate nos restantes oito jogos.
No site do torneio ela atribuiu o mau resultado ao "jetlag", a diferença de fusos horários entre China e América do Sul, fenómeno do qual se ressentiu durante todo o torneio, como afirmou.

2 comentários:

aleg disse...

Grande o Magnus! (valha a redundância)
Quanto à menina Fierro, é verdad, eu ainda sinto a diferença horária com LA ARGENTINA (2:1 contra Peru)

Buenas noches

Anónimo disse...

Julgo que a performance de Magnus não tem paralelo, só comparável talvez à corrida de Fischer no torneio de candidatos ao campeonato do mundo (6-0 a Taimanov e Larsen).

Os torneios de Kasparov e Karpov mencionados nos links foram mais extensos, é certo, mas não se pode comparar a força da oposição (categoria XXI contra XVI e XVIII).

Este wonderboy não é produto genérico, this is the real thing!...

Dervich